sábado, 4 de agosto de 2012

#Divagando | Ódio gratuito


Dando uma volta pelo site WeHeartIt.com para procurar por umas fotos bonitas, acabei me deparando com  a foto que ilustra este post. Apesar de eu não ser fã da Selena Gomez e achar que, para mim, ela não fede e nem cheira, achei de um extremo mau gosto o que fizeram nesta imagem, chamando a garota de prostituta, vagabunda, querendo que ela se mate ou, pior, ameaçando matá-la. Aí eu me pergunto: até onde vai esse ódio gratuito? E para quê tudo isso?

Se você não gosta de alguém e tem todos os maiores motivos para desprezar esta tal pessoa, não seria mais fácil ignorar e fingir que não existe? Porque, em minha concepção, alguém que eu não gosto é um nada, não faço a menor questão de sequer pronunciar seu nome. Ok, você pode até falar mal, mostrar as razões pelas quais você não gosta da pessoa, mas aí xingar e ofender alguém é um caminho muito complicado e totalmente errado. Ninguém merece receber ofensas gratuitas, feitas por aquelas pessoas que apenas têm o simples prazer de ofender.

Algumas pessoas acham que a internet é uma terra sem lei, que só porque elas estão atrás de um computador  isso significa que estão livres para falar o que bem entenderem sem antes se preocupar com as consequências e os sentimentos da pessoa ofendida. Eu acho triste a forma que as pessoas encontram para xingar gente que não conhece, porque, é claro, todas essas pessoas odiando gratuitamente a Selena não a conhecem pessoalmente, sequer sabem como ela é em sua vida particular.

Não gostar de uma pessoa é a coisa mais normal no mundo, as vezes não gostamos de alguém só por "não ir com a cara dela", mas há uma grande diferença entre não gostar e odiar - de um jeito que você passa mais tempo nutrindo aquele ódio e procurando saber da pessoa apenas para apontar erros, do que de fato ignorar.

O ponto crítico disso tudo não é só o sentimento ruim do ódio, mas até onde ele pode ir. Ameaçar alguém de morte é uma coisa muito séria. Se a pessoa não tiver um pequeno fio de sanidade, pode mesmo vir a querer matar de verdade. E se até um fã já matou seu ídolo (caso do John Lennon), um hater poderia facilmente fazer o mesmo.

Então vamos refletir e deixar para lá nossas "birras", sejam elas por pessoas que convivem conosco ou até mesmo com pessoas que não fazem ideia que existimos.

Beijos :)

P.S: Acho que vocês perceberam que fiquei mais de uma semana sem postar, não é? Eu não estava muito no clima, apesar de ter o que postar. Mas espero estar de volta com tudo, rs. Aproveitando a oportunidade, gostaria de agradecer pelos comentários do post anterior. Foram muitos e fiquei feliz. Vou retribuí-los aos poucos, assim que possível.

4 comentários:

  1. Ah, concordo com você, mas não creio que é tudo que devemos deixar passar. Tipo: detesto a Kim Kardashian pelos valores de futilidade que ela passa a milhares e milhares de garotas. Claro que não vou ameaça-la, mas como ela é uma pessoa publica, tenho o direito de criticar isso nela, não? Mesmo vale para Rafinha Bastos, Danilo Gentili e alguns comediantes que acham que piada não tem limite. Já isso da Selena é realmente chocante: pq a galera não cuida da propria vida?

    ResponderExcluir
  2. Oi, lindona.

    Senti sua falta mesmo. Mas eu fiquei sem trabalhar na net e no blog direito por esses dias, pois estava me preparando para um congresso e, depois do congresso, minha net começou a pirraçar - sabe como é ruim, né? Bem, agora que a net voltou ao normal, vim te visitar. ;)

    Tem razão, achei um grande absurdo também. Além do mais, que será que essa moça poderia ter feito contra quem montou essa imagem? Ódio gratuito mesmo. Se já não devemos odiar alguém com motivos, quanto mais sem... Lamentável.

    Beijos,

    Isie Fernandes - de Dai para Isie

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Agora faz mais tempo ainda que você não posta... espero que você volte logo! Seu blog é tão lindo e os posts tão bons!!

    Quero informar que a você me viciou em Grimm graças ao ultimo post!!!! Hahahahahahahaha..... que série ótima!! Amei!! Vou falar sobre ela no meu blog em breve e não esquecerei de dizer quem foi que me indicou! ;)

    Agora, essa de ódio gratuito realmente é uma chatice. As pessoas estão cultivando ódio a troco de nada. Ódio nunca valeu à pena, mesmo com justificativa. Agora passar o tempo desejando mal à outra pessoa simplesmente porque não tem nada melhor pra fazer?! Sim, porque quem odeia uma pessoa que nem ao menos conhece (porque por mais que saiam matérias na imprensa, ou por mais que você tenha contato com uma pessoa, ninguém conhece ninguém totalmente), é coisa de quem não tem nada melhor pra fazer.
    Tenho pena dessas pessoas. Elas são muito infelizes....

    Amei esse post também!!
    Volta logo! Estamos com saudades!!

    Beijussss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. A indiferença sempre será o pior dos sentimentos,
    ódio é energia desperdiçada.

    ResponderExcluir